Paróquia de São Vicente de Paulo

Curso Bíblico: Gênesis – 15ª Semana

 

PARÓQUIA DE SÃO VICENTE DE PAULO
3ª URGÊNCIA DA AÇÃO EVANGELIZADORA
IGREJA, LUGAR DE ANIMAÇÃO BÍBLICA E VIDA PASTORAL
ESTUDO BÍBLICO CAPÍTULO POR CAPÍTULO

Objetivo – Fazer com que as nossas comunidades leiam, conheçam e ponham em prática a palavra de Deus.

Gênesis 21,1 – 34 – FOLHETO 15

INTRODUÇÃO - Como foi dito no folheto 14, sempre na introdução, falamos um pouco da importância desse livro sagrado - a Bíblia; indispensável para judeus e cristãos orientarem sua vida e se fortalecerem espiritualmente.

 

Dizemos que a Bíblia é um livro divino e humano: inspirado por Deus, mas escrito por homens, por Deus movidos e assistidos enquanto escreviam. Ela não é um livro só, mas em conjunto de 73 livros, redigidos por autores ou tradições diferentes em épocas, línguas, estilos e locais diversos, em um espaço de tempo de cerca de mil e quinhentos anos. Sua unidade se deve ao fato de terem sido todos eles inspirados por Deus; seu autor principal é garantia da sua inerrância.

 

Mas a Bíblia não é um livro de ciências humanas. Por isso a Igreja Católica reprova a leitura fundamentalista da Bíblia, que teve sua origem na época da Reforma Protestante e que pretende dar a ela uma interpretação literal em todos os seus detalhes, o que não é correto.

 

Enfim, a Bíblia é um livro de fé. É uma carta de amor que Deus escreveu através dos hagiógrafos, dirigida a toda a humanidade. Devemos lê-la todos os dias; semelhante a uma refeição necessária a nosso corpo, assim é a palavra santa de Deus para alimentar a nossa alma.

 

Motivados por essa introdução sobre a Bíblia, veremos, nestse capítulo 21 de Gênesis, o nascimento de Isaque, o filho da promessa e Agar no deserto. O nascimento de Isaque é um desafio à natureza e à compreensão humana. Para Deus, nada é impossível.

 

ESTUDO DE GÊNESIS CAPÍTULO 21,1-34 (leiam o texto)

Três pontos bem definidos dão forma a este capítulo:
- O nascimento de Isaque (versículo 1 -7)
- A ida de Agar e Ismael para o deserto (versículo 8 – 21)
- A aliança estabelecida entre Abraão e Abimeleque (versículo 22 -34)

O relato do nascimento de Isaque conclui a história de esterelidade de Sara, que havia começado em Gênesis 11,27-32. O cumprimento da aliança é destacado. Os três envolvidos agiram de acordo: Deus manteve sua promessa de dar um filho a Abraão através de Sara; Abraão respondeu com obediência, dando o nome de Isaque ao filho, e logo o circuncidou. Sara agiu através da adoração, conforme os versículos 6 e 7.

 

Vemos que Sara ficou maravilhada com o milagre que Deus fez em sua vida, pois o nascimento de um filho, naquelas circunstâncias, só poderia ser um milagre. Sara teve razão em pronunciar aquelas palavras. Quem soubesse, teria de rir. E ela estava rindo de alegria. Foi algo surpreendente que Deus lhe fez.

 

De acordo com o texto, Abraão tinha 100 anos e Sara 90. Não havia condições para terem um filho. Paulo, em Romanos 4,19-22, fez referência ao fato como se tratando de uma intervenção direta de Deus, visto que, humanamente, não haveria nenhuma condição para isso. Porém para Deus tudo é possível.

 

Nos versículos de 8 a 21, temos o relato da expulsão de Agar e Ismael como complemento do capítulo 16 do Gênesis, no qual todos os interessados tinham agido impulsivamente, sem medir as consequências, e foram obrigados a conviver com o resultado de seus atos por 14 anos.

 

Sara, que arquitetou o plano, teve de enfrentar o desprezo da serva. Agar, que não agiu corretamente, teve que enfrentar o ciúme e a dureza de sua senhora. Abraão, que não teve pulso e não creu em Deus, teve que experimentar a desarmonia no lar e as implicações de ter um filho fora do plano divino.

 

Nos versículos de 22 a 34, é firmada a aliança de Abraão com Abimeleque, rei de Gerara, que havia sido enganado anteriormente por Abraão e Sara. Sem dúvida, houve uma grande transformação na vida do casal, depois daquele episódio de mentira e incredulidade. Foi esta mudança que possibilitou o cumprimento da promessa de Deus de dar-lhes Isaque.

 

Esta mudança foi notada por Abimeleque, que, quando garantiu que ele e sua futuras gerações não seriam mais enganadas com mentiras, procurou Abraão para propor  uma aliança. 

 

Abimeleque havia descoberto que Abraão era um homem abençoado por Deus. Eles estabeleceram a aliança e chamaram o local onde ela foi feita de Berseba, porque ali ambos juraram. Vejam o versículo 31. E diz ainda o texto sagrado: Plantou Abraão tamargueiras em Berseba e invocou ali o nome do Senhor, Deus eterno (versículo 33). Mais uma vez, vemos Abraão, apesar dos altos e baixos, priorizando e mantendo a comunhão com Deus.

 

Que nós possamos, apesar de nossas falhas, ser vistos como pessoas que contam com Deus em tudo o que fazemos e que invoquemos continuamente o nome dele para gozar de sua intimidade.


EXERCICIO

1 De acordo com a introdução deste folheto, dê seu parecer sobre a Bíblia. 
2 O que significa a leitura fundamentalista da Bíblia?
3 O que é o hagiógrafo na Bíblia ?
4 Assinale três pontos que destacam o capítulo de Gênesis 21.
5 Que relação você faz de Gn.11, 27-32 e Gn.21,1-34 ?
6 Quem eram: - Abimeleque , Ageu , Isaque , Ismael, Abraão e Sara ?
            

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS DE APROFUNDAMENTO

● Bíblia de Jerusalém
● Storniolo, Ivo – Balancin E., Como ler o Livro do Gênesis, São Paulo: Paulus 1991
● Bergant, D. – Karris.R, The Collegeville Bible Commentary.Minnesota: EUA - 1989 
●Deisseler, Alfons., O anúncio do Antigo Testamento, São Paulo: Paulus 1984
●Ravasi, Gianfranco., A narrativa do Céu – As histórias, as ideias e os personagens do Antigo Testamento, São Paulo: Paulinas 1999
●Bright, John., História de Israel, São Paulo: Paulus 2000
●Pierre, Grelet., Homme qui es tu ? Les onze premiers chapitres de la Génèse, Paris; Cerf 1973.
●Drolet, Gilles., Compredre l’Ancien Testament, Canadá 2006
●São Gerônimo., Antigo Testamento, São Paulo: Paulus 2011
●Anotações do Pe. Neto

ELABORAÇÃO – Pe. Raimundo Nonato de Oliveira Neto – Pároco da Paróquia de São Vicente de Paulo e Especialista em Teologia Bíblica pela Union Theological Seminary, Nova York– E.U. A- 1993 e pelo Centro Biblico  Verbo – São Paulo – 2007 -2008.

 

Mensagem

...Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento.

Este é o primeiro e grande mandamento.

E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo...

Eventos